CEO da Disney revela intenções em compra da FOX

Por Matheus Sousa em

Divulgação.

Em entrevista a CNBC, o CEO da Disney, Bob Iger, revelou as reais intenções da companhia quando comprou os ativos da FOX, movimentação ligada diretamente ao serviço de streaming da empresa, o Disney+.

“Nossa intenção sempre foi ter acesso à biblioteca da FOX, não para monetizá-la, mas para que seus conteúdos fossem para o streaming. Foi uma grande ideia. (…) Não se tratava apenas de ter mais canais de TV ou capacidade de produção. É preciso ter uma direção precisa do que se está fazendo”. disse Iger.

Também é interessante mencionar que com a compra da FOX, a Disney passa a deter 60% dos ativos do Hulu (30% estão com a Comcast/NBCUniversal e 10% com a Warner Bros.), para onde serão destinadas as produções mais adultas.

Comentários
  • Anubis_Necromancer

    Até aprece que não é pra monetizar em cima XD
    Mas com isso, só mostra que a Disney quer o monopolio de tudo.
    Uma pena que o pessoal lá sabe e apoia, pq tá na mão dela.

    • Nero ZeroX

      E quem não quer? A Disney está tentando fazer o que Bill Gates, Steve Jobs e afins tentaram fazer derrubar a Lei Anti-Truste dos EUA….Off.: Só espero que um dia a Disney compre algum canal, serviço de streaming e afins aqui no Brasil…

      • Anubis_Necromancer

        Ai que está, me diga um monopolio que é bom?
        Não vai ter nenhum.
        Dai perde-se a qualidade em prol a produção em massa.

  • 村崎葵

    >Hulu
    >”produções mais adultas”
    >Simpsons anunciado como exclusivo do Disney+

    OK.

  • Léwow

    Que respostinha bem genérica

  • Segundo

    Podiam pegar esse Hulu e expandir ele.. colocar todo o catálogo Fox e Disney que aí sim ia fazer frente a Netflix.

    RIP 21th Century Fox

  • 村崎葵

    Isso não muda o fato da série se equivaler a outras produções da Fox. Se realmente quisessem apelar pra family-friendly nem seria mais exibido lá.