Fire Force: autor revela o que mais surpreendeu na história

Por Gabriel Fernandes em

Kodansha / David Production / Divulgação

Fire Force é sem dúvida um dos animes mais destacados da temporada de verão. Em entrevista ao CBM durante o Anime Expo, o autor da obra, Atsushi Okubo (Soul Eater), contou o que mais o surpreendeu enquanto construia a história.

Okuba, que já assumiu que tem um estilo criativo em que gosta deixar a trama tomar seus rumos naturalmente, e deixando ver até onde os personagens a conduzem, revelou que o elemento mais surpreendente foi o desenvolvimento de Hinawa. O personagem que começou muito sério rígido, mas na evolução da escrita tornou-se alguém charmoso e até mesmo cômico em alguns momentos, uma figura estranha que ele sente prazer em retratar.

O mangá de Fire Force é publicado no Brasil pela Editora Panini. Já o anime teve seus direitos de distribuição adquiridos pela Sato Company, que até o momento não divulgou nenhuma informação a respeito de seu lançamento.

Comentários
  • Eduardo Jose de Andrade

    Só sei que se dependesse do Marcelo Del Greco, o mangá ganharia o título ou subtítulo brasileiro de “tá pegando fogo bicho!”.

    • Pedro Henrique

      Ironicamente, ele mantém “Kachan” e “Deku” em MHA, vai entender a “lógica” dele.

      • Blu3s

        Mantém “Kacchan” para atender o chororô de um bando de otaku purista e depois mete uns dois ou três memes e piadas de tiozão mal contextualizadas em alguma cena para “compensar” e jurando que a mesma galera vai deixar passar batido.

      • Eduardo Jose de Andrade

        Eu chuto que é porque ele quer tentar ficar fiel ao que é dito no anime, e boku no hero por vender muito e as tretas que deu com Fairy tail, devem ter feito ele não querer por muita gírias nos mangás mais rentáveis da JBC.

        • Pedro Henrique

          Dúvido, dizem que ele coloca várias gírias e memes em MHA; acho que a explicação do Blu3s é a que mais faz sentido… ou a que mais parece ser a cara dele, pelo menos.

          • Eduardo Jose de Andrade

            o p#rra, ainda bem que não leio o mangá de boku no hero, só o anime me satisfaz.

  • Squall

    A Sato Co. tem mandado bastante conteúdo pro Amazon Prime Video ultimamente. Se´ra que Fire Force vai pra lá também?

    • Blu3s

      Se for, duvido que ganhe é uma dublagem, vai ser só mais um anime legendado no meio de tantos outros naquela plataforma, inclusive exclusivos do próprio Prime Video.