Memórias de Idhún: Netflix anuncia anime produzido na Espanha

Por Nielsen Souza em

Netflix / Divulgação

A Netflix continua apostando alto em animações originais, especialmente quando se trata de animação japonesa, ou até mesmo algum projeto que tenha inspiração no gênero. Depois de Castelvania, Seis Manos, e Devil May Cry, a plataforma agora anunciou que vai adaptar uma conhecida trilogia de livros espanhola, intitulada Memórias de Idhún, criada por Laura Gallego Garcia em formato de animação, mas com inspiração nos animes.

A autora declarou estar muito envolvida nesta primeira fase da adaptação para que seja o mais fíel possível ao livro. A série será produzida pela produtora Zeppelin TV, uma empresa do gurpo Endemol Shine., e terá direção de Maite Ruiz de Austri (El tesoro del rey Midas), com roteiro escrito por Laura e Andrés Carrión. A primeira temporada de Memórias de Idhún irá se chamar “La Resistencia“, e vai adaptar o começo do primeiro do livro “Búsqueda” (A Busca).

Netflix / Divulgação

A obra é um grande sucesso entre o público jovem espanhol e conta a história de como o necromancer Ashran conseguiu obter o poder de Idhun no dia em que aconteceu a conjunção astral dos três sois e três luas. A primeira grande batalha para derrotar o inimigo ocorrerá na Terra, onde os adolescentes Jack e Victória, vão tentar impedir Kirtash, um assassino contratado para Ashran.

Memórias de Idhún está programado para estrear na Netflix em 2020.

Comentários
  • hiromori

    Se vai ser produzido na Espanha, então não é anime :’)

    • Inspiração em anime. Não estrague o clima meu querido..rsrs.

      • Sasuke ペ ン ド ラ ゴ ン

        Sim, mas não tem nenhum diretor jp, e nem animadores tb jp, como pode ser anime?! Igual a Hero Mark(q aliás é bem ruim) q levar nome de “anime” mas parece mais com animação americano!

        • A Netflix gosta de vender a ideia desse jeito igual fez com Seis Manos e Castlevania. Os espanhóis estão sendo mais exagerados e falando em anime.

        • Satoru

          Se esta falando de ”Hero Mask”, é anime sim, pois toda staff é japonesa, até mesmo o estúdio é japonês. No caso é o studio Pierrot.

          • Sasuke ペ ン ド ラ ゴ ン

            Não, não falei de Hero Mask, mas sim q Hero é anime, mas parece mais desenho americano pelo estil!

        • Kira

          Acho que voce quis dizer Hero Mask, acho que voce falou besteira , é um anime sim…

          E não foi ruim não…. até que foi dahorinha. Mas cada um eh cada um neh fazer oque.

          • Sasuke ペ ン ド ラ ゴ ン

            Não falei de Hero, e se vc gostou do msm a opinião é sua, já a minha o anime foi ruim!

    • Yellow Hair

      Se é na Espanha então é animación

      • Luciano Gomes

        Melhor comentário! kkkkkk.
        A questão do anime e animação é até curiosa, porque só aqui no Ocidente, que há essa distinção.

        Para um Japonês, anime é qualquer tipo de animação (feita em qualquer lugar do mundo! kk).

    • Francisco das chagas

      anime e animação então se o desenho for animado é anime tbm…

      • hiromori

        anime é o nome dado pra desenhos feitos exclusivamente no Japão, então né

        • Edenilson Pontes

          Grande parte das animações japonesas já não são feitas exclusivamente no Japão e nem os próprios japoneses usam essa definição para animes. Para os japoneses até as animações da Disney são animes.

        • O livro 2 de Korra foi feito pela Pierrot. Isso o torna automaticamente um anime?

    • Edenilson Pontes

      Não deixa de ser anime, afinal para os japoneses todo tipo de animação e de qualquer parte do mundo é considerado anime.

      • hiromori

        Ok, concordo com você. A partir de agora vou chamar Dora Aventureira de anime também, um dos melhores, aliás.

        Aqui no ocidente a definição de anime é clara, vou pegar até da Wikipédia:

        Anime, animê (português brasileiro) ou animé (português europeu) (em japonês: アニメ), se refere à animação que é produzida por estúdios japoneses.

        • Edenilson Pontes

          Na própria Wikipedia diz que: ‘A palavra é a pronúncia abreviada de “animação” em japonês, onde esse termo se refere a qualquer animação’. Eu entendo que aqui no ocidente a definição de anime é diferente da do Japão, mas uma definição não anula a outra, então essa animação da Espanha não deixa de ser anime se você levar em conta a definição japonesa de animação.

        • Eduardo

          No japao e considerado anime. George, o curioso é considerado um anime no Japão.

    • toygame lan

      Anime é animação,só doido que acha ,que só, por que é feito no japão é anime e o resto do mundo não

  • Bacana. Queria que a Netflix fizesse o mesmo com alguns mangás nacionais. A gente também tem coisa legal.

    • Blu3s

      Já passou da hora de obras como Holy Avenger e Blue Fighter do Alexandre Nagado ganharem “animes”.

      • Pablo Soares

        Holy Avanger ia ser top demais!

    • Shai

      Já tem alguns projetos bem antigos para animes nacionais como Magma, XDragoon e Dogmons porém nenhuma empresa parece querer dar apoio.

    • toygame lan

      A netflix não produz nada só exibe em sue catalogo,para ter mangas nacionais animados tinha que um estudio nacional ou de fora para faze-lo

  • Sasuke ペ ン ド ラ ゴ ン

    Não espero grande coisa, mas pelo menos dublagem boa Netflix!

    Faz isso com the god of high school, q é melhor.

  • Foi errado não.. proposital.. rsrs

  • Luciano Gomes

    Sempre bom ver a Netflix investindo em animações diversas… Agora só nos resta torcer para que a obra seja boa e que seja bem dublada.

  • Eduardo Jose de Andrade

    Caramba, tô levando a sério o que o Shankar disse que anime pra ele era estética e não gênero……..mas só os japoneses fazem 100% daquele estilo deles na animação como um todo tipo movimentação.

  • toygame lan

    “A série será produzida pela produtora Zeppelin TV, uma empresa do gurpo Endemol Shine.”

    vixi,acho que não vai ficar muito bom não,esperar pelo trailer para avaliar melhor

  • José GOS

    Olhando por essa imagem de divulgação, parece bem promissor.