RedeTV! retira Pokémon do horário nobre devido baixa audiência

Por Matheus Sousa em

Divulgação. © The Pokémon Company

Apenas três semanas, este foi o tempo que Pokémon durou na programação noturna da Rede TV!, isto por que a partir da próxima semana o anime será substituído pelo programa ‘Te Peguei’ devido a baixa audiência, informa o jornalista Daniel Castro.

A partir de segunda (9), Pokémon passará a ser exibido apenas às 9h, e o motivo é simples, a animação está prejudicando todos os programas que o sucedem na programação, como o RedeTV! News, principal jornalístico da emissora, que desde a reestreia do anime vem registrando índices muito mais baixos que o normal. A estratégia visa criar uma faixa adulta como “sala de espera” para o noticiário.

Cabe destacar que a audiência na faixa da manhã também se mostra bem distante do pretendido pela RedeTV!, mas a julgar que os números são “maiores” que os registrados no passado, Pokémon deverá ficar, até segunda ordem, tranquilamente no horário.

Comentários
  • Bruno Luiz

    Isso já era meio óbvio que iria ocorrer…

  • Já era esperado isso. Pra começo de conversa, a culpa é tanto da própria emissora quanto da audiência.
    Os cara compram para grande parte das regiões não contribuirem com a exibição do anime. E a própria emissora não tenta notificá-las.
    E o canal não tenta divulgar a série. Só falou que estava exibindo ela no Twitter e praticamente não fez nenhuma outra divulgação. E a “ideia” de usar a hashtag #pokemonnaredetv não estava ajudando, justamente pelo fato do próprio canal querer dar mais atenção pra outras coisas ao invés dessa hashtag. Hoje em dia já deveria estar óbvio de que não iriam conseguir audiência com algo apenas por estarem exibindo aquilo por lá, ainda se for falar de um canal ainda pequeno como o deles. É incrível como na época que se chamavam TV Manchete, eles conseguiam vencer até a Globo só com desenhos.

    A própria Pokémon Company deveria fazer algo a respeito. Se a RedeTV comprou uma leva de episódios diretamente deles, eles teriam a devida responsabilidade de notificar a emissora e tentar fazer algo para a emissora simplesmente não tirar a série da programação. Tá muito injusto a forma que estão tratando o anime.

    disappointed but not surprised

    • Akise Aru

      Negócio é exibir via streaming a versão original.

      • Vir com esse papo de “streaming é a solução” é algo muito ignorante. Esse anime JÁ ESTÁ disponível em algumas plataformas. O problema é quando algum canal de TV como a RedeTV adquire a série e trata como lixo. Aí vem gente como você usando essa ignorância que “anime não dá mais certo na TV” sendo que é o próprio canal de TV que faz com que a exibição falhe e joga a culpa na “audiência”.
        Leia meu comentário inteiro.

  • Era de se esperar. hu3
    Ninguém tem mais tempo pra assistir, além de estar tudo na internet hoje em dia.

    • Exatamente.

    • Son Son

      Os tempos são outros mesmo.

    • Luiz Carlos

      Mesmo assim, eu assisti todos os episódios na faixa da noite. :/

    • Juniorbf41

      Em qualquer site pirata se acha o anime inteiro, até alguns eps banidos

  • Nona

    O problema é que o povo pede tanto e não ajuda a dar a audiência. Primeiro se queixam querendo assistir Pokémon e ver o programa passar no horário da noite, quando estreiam ficam exigindo mais coisa como Naruto, Dragon Ball e One Punch-Man sem antes dar a devida audiência pro programa.

    Não é atoa que está cada vez mais difícil ver animes na TV aberta.

    • O povo que pediu até deu audiência.
      Só que o povo que pediu em sua maioria já conhece muito bem o anime e até mesmo já acompanha animes.
      Então… parece absurdo dizer que os 0.3 pontos que Pokémon conseguia todos os dias é por causa desse público que eu citei?

      Só que TV Aberta não leva o negócio longe só com esse grupo.
      Se não tiver uma audiência mais abrangente (que em sua maioria nunca ouviu falar de Pokémon ou até conhece mas não se interessa, ou mesmo nem acompanha animes), não adianta nada.

  • Kaio Honorato Rodrigues

    por isso que os animes não iam dar certo nos dias de hoje na TV aberta do Brasil!

    • O duro é que sem a TV Aberta, o volume de animes que entram aqui no Brasil sempre continuará abaixo do volume que chega nos países latinos e nos Estados Unidos.
      Claro que é uma coisa que a Netflix vem contornando, mas não adianta nada o anime vir, e apenas um pequeno grupo que normalmente já busca por esse conteúdo prestigiar.
      Se não tem o interesse de quem não acompanha esse tipo de coisa mas tem a curiosidade de conhecer o título em questão, vamos continuar no 0 a 0.

    • Pitombo crus

      Também ohha as emissoras que investem ultimamente kkkkk, Pokémon por exemplo se fosse exibido no Bom dia e cia dava 6, 7 ,8 pontos fácil.

  • Blu3s

    A diferença para a situação onde exibiram pela primeira vez em 2008 para agora também é meio que GRITANTE. O anime era exibido sozinho no horário, estava a um tempo fora do ar e agora, os mesmos episódios que a RedeTV resolveu exibir podem ser encontrados facilmente a qualquer hora pela galera que quer assistir por “nostalgia” tanto na Netflix quanto no site oficial da Pokémon Company, sem falar que esse público não precisa dar de cara com aqueles palhaços entre o começo e o fim da atração, que para o público fã mais jovem é uma coisa constrangedora.

    • Akise Aru

      Todo mundo agora sabe que Pokémon no ocidente é censurado.

  • Yusuke Urameshi

    querendo fazer fama com um anime flopado desse, fala sério, e já passa na cartoon aquele pokemon bizarro que a maioria dos kids veem.

    • Son Son

      Com toda certeza não é “flopado”.
      A culpa disso não é do anime.

      • Leonardo

        A primeira temporada passou em tantos canais diferentes que já está saturado.

        • Blu3s

          Não só passou em um monte de canais diferentes como está lá no site da Pokémon Company e na Netflix para quem quiser ver a hora que quiser sem dar de cara com uma trupe de palhaços que faça você, com mais de 10 anos, parecer um retardado assistindo eles.

  • OCULTISTA

    O melhor que a RedeTV faz é se retirar da televisão brasileira.

  • Joao Carlos Loyola

    Obviamente como o amigo aqui embaixo falou, a falta de “interesse” da própria emissora pela falta de marketing pesado que poderia ser veiculado no facebook onde a grande massa é presente, mas repeti a mesma formula seria o grande risco a parte(como aconteceu), porque querendo ou não, quem poderia alavancar a audiência de 10 anos atras somos nós que assistíamos, só que em 10 anos nego já está na faculdade, nego já está trabalhando, e nego provavelmente pode já ter filhos, então me desculpa, mas a partir do que desejam a um,a fórmula de 10 anos atrás não garantias que irá ser favorável novamente

    • E a criançada ou já está fazendo outra coisa, ou no mínimo está assistindo a Cultura no horário.

      Mas a contribuição da rede social nesse caso é controversa.
      Se a pessoa não conhece Pokémon, não segue a RedeTV! e não segue páginas relacionadas a notícias sobre televisão, dificilmente ficaria informada.
      Até se procurou montar uma fã-base no Facebook e no Twitter pra tentar divulgar, mas a eficiência disso também não foi lá aquela coisa.

      Logo, quando não se há espaço para esse tipo de atração, pode-se fazer tudo certo, que o retorno continuará não sendo garantido.

  • ace cooper

    Hoje a tv aberta é principalmente para gente mais velha e o horário nobre é dominado por jornalismo e novelas.Se a record voltasse a exibir O Mundo Perdido(de Conan Doyle) no início da noite ou a band DBZ e Tenchi Muyo no fim da tarde também não conseguiria os bons resultados de antes.A rede Brasil pode se dar ao luxo de exibir animes e séries clássicas(pirateadas) no horário nobre simplesmente porque não tem como competir com as emissoras populares.

    • E mesmo se ela não puder manter isso no sentido financeiro, vai chegar uma hora que ela simplesmente vai optar em tirá-los do ar.

  • Pra retirarem de vez é apenas questão de tempo. Os tempos mudaram mesmo…

    • Em 2008, a 1ª temporada não era encontrada facilmente na internet, e há tempos que não dava as caras na TV (mesmo na fechada).
      Além de que SBT, Record, Cultura e Gazeta não eram uma grande preocupação para a RedeTV!, já que elas não estavam tão fortes no horário, também.
      Na época, tinha tudo pra dar certo.

      Hoje, infelizmente, o público mudou e a situação da concorrência mudou.
      O desastre estava anunciado.

  • Maria Júlia Santana da Silva

    A baixa audiência está atacando a RedeTV, infelizmente

    • Blu3s

      Mas isso não é de agora não, é desde quase sempre.

    • Ela está bem melhor do que há uns 2 , 3 anos.
      Mas ainda assim está bem distante de 10 anos atrás, onde ela estava vivendo uma das suas melhores fases em audiência.

  • Mateus

    Meio obvio.. essa primeira temporada de Pokémon já tá bem saturada fora que está disponível na Netflix. Deveriam ter exibido Super Onze no lugar, daria números bem maiores de audiência sem dúvidas.

    • Ata. Não é só porque você acha Super Onze melhor que Pokémon que ele teria uma audiência melhor no canal não. Não é desse jeitinho que você pensa.

      • Mateus

        É só olhar nas redes sociais do pessoal que trabalha na Rede TV, a galera sempre pede Super Onze mais do que qualquer outro anime.

        • O que “a maioria” pede não condiz com o que a maioria assiste. Já ouviu falar do pessoal que insistia pra Marvel colocar personagens “lacradores” nas HQs? Fizeram o que pediram, e adivinha… praticamente ninguém comprou.

    • Leonardo

      Na verdade não. Super onze é bem menos popular que pokemon.

    • Qualquer coisa que a gente disser que no lugar daria mais audiência no final não passa de mera suposição.
      Na prática é onde sempre o bicho pega.

      Então não tem essa de “sem dúvidas”.
      O telespectador que não conhece Super Onze e não assiste anime é o tipo mais complicado de lidar.

  • Como esse programa “Te peguei” pode ter audiência, não era por causa dele e dos joguinhos pra enganar trouxa que a emissora estava indo para o buraco, a emissora só passa programa de culinária e fofoca e esses tapa buracos. Rede Brasil que é uma emissora mais nova dá um banho na Rede Tv com seus animes e séries antigas, passam até doramas coreanos, Ratinho deveria mesmo ter comprado essa emissora :v

    • Não duvide do telespectador.
      Operação de Risco simplesmente triplicava a audiência de Pokémon sem muito esforço.

      Não é que o “Te Peguei” vai chegar a 1 ponto com facilidade.
      Mas que pode aumentar a audiência que Pokémon dava, não é impossível, não.

    • Juniorbf41

      Olha dizem por aí que grande parte da programação da Rede Brasil como esses programas que tu citou são exibidos de forma ilegal.

      • Os seriados antigos, os desenhos da Hanna-Barbera e Speed Racer não se sabe, realmente.
        Mas os doramas coreanos parece que é exibição legal, sim.

  • Eryk Oliveira

    É, gente. Não foi dessa vez. (E se o público continuar assim, só tende a piorar.)

    Talvez se fosse uma temporada inédita na TV aberta…
    Era bom estar passando mais coisas além de Pokémon. Ia instigar a criançada.
    Engraçado é que eu ouvir falar que a audiência nesse horário tava aumentando.

    É uma pena.

    • E é questão de tempo pro bloco das 9h ser cancelado, também.

      O mais lamentável é que depois dessa dificilmente a RedeTV! voltará a apostar nesse tipo de atração novamente.
      O TV Kids poderá definitivamente ficar no passado.

      • Eryk Oliveira

        “…ficar no passado” Esse era o meu medo.

        Mas depois dessa…

  • Igor Lucas

    E vão colocar o que no lugar? Kkkkk

    • Algo que é perigoso dar mais audiência, sem muito esforço! hehehe

  • João Carlos

    Como queriam audiencia? Adiaram umas 3 vezes e teve uma divulgação de merda.

    • A Rede Brasil, mesmo tendo uma audiência consideradavelmente menor que a da RedeTV, conseguia fazer uma divulgação bem melhor dos seus animes, com direito a uma “festinha” com alguns funcionários da Toei no maior estilo “aniversário do seu priminho de 7 anos” rs

      • João Carlos

        A Rede Brasil faz uma exibição toda estranha mas pelo menos não adia a estreia.
        Se tivesse estreado no dia prometido ia ter uma otima audiencia

      • Na prática, isso pouco adiantou, porque eles limitaram o público-alvo deles.
        Logo, era o mesmo público de sempre que assistiu. Público este que já viu uma trocentas vezes Os Cavaleiros do Zodíaco e Dragon Ball.
        Quem acha que criançada ou adolescente em sua maioria prestigia ou prestigiou o Senpai TV até agora é ingênuo.

        • Isso é um problema dos grandes. Só o fato de já terem anunciado faz tempo a aquisição de Lost Canvas e até agora nada de falar a data de estreia alegando “questões contratuais ainda não finalizadas”, já piora a situação.

          • Além de que os animes atualmente em exibição já perderam praticamente toda a força que tinham quando estrearam, e agora até passam batidos por boa parte do pouco público que os acompanhava no começo.
            Se saíssem do ar amanhã, difícil dizer se deixariam saudades ou não.

  • Renan Souza

    Na verdade mesmo é que ngm assiste mais a rede tv, além da falta de divulgação, ngm nem tava sabendo q ia ser exibido, somente q está atento as redes sociais com esse tipo de conteúdo, e q acho q atrapalhava tbm é aqueles palhaços nada haver.

    • A concorrência no horário estava muito pesada.
      Coloca as novelas da Globo e do SBT, os jornalísticos da Record, Band e Gazeta, os desenhos da Cultura, já fica complicado para a RedeTV!
      Soma-se a isso o fato de boa parcela do público estar vendo TV Fechada, streaming ou fazendo outra coisa no horário.

      Isso foi um problema que a RedeTV! não enfrentou com a mesma intensidade em 2008, e foi o que acabou ajudando ela na época.

  • V-Summer

    A audiência só não é medida lá pela Região Sudeste?
    Então não tem essa de que não deu audiência porque não estava sendo exibido na região X ou Y, porque isso não conta pro Ibope.

    • Blu3s

      Fora q como o pessoal q até tem algum interesse do resto do país ajuda se só levam em conta a audiência dos paulistanos??

      • A pontuação geralmente não apresenta grandes variações de uma região pra outra.
        O que muda é quanto vale 1 ponto em cada região.

    • A audiência é medida em 16 regiões do Brasil.
      Mas a maioria delas é divulgada mensalmente, bimestralmente ou trimestralmente, muitas vezes na forma de ranking.

      Grande São Paulo é a principal praça de medição e é o que o mercado publicitário leva em consideração.
      Mas são raros os casos onde a pontuação obtida na Grande São Paulo sofre grande variação em outras regiões.

      Mas mesmo na Grande São Paulo, região com milhões de habitantes, a audiência sequer chegava a 200 mil telespectadores.

  • Zarchary Rabbido

    Isso já era óbvio

  • Eduardo Jose de Andrade

    A TV perdeu mais força que o previsto mesmo, mas também a rede tv divulgou só no twitter e hoje tem a Netflix e episódios no canal oficial da the pokémon company, eles deviam é ter se empenhado em fazer um marketing mais elaborado e não só esperar que os fãs fossem atrás…..

    • Só fã não ia levar esse negócio longe mesmo.
      O público que assiste a concorrência no horário, que em sua maioria, não é fã, nem otaku ou talvez já nem dê bola pra Pokémon, é o que acabou fazendo as coisas chegarem nesse ponto.

      E poderia ter sido o melhor marketing do mundo.
      De pouco serviria num canal cuja maioria dos telespectadores sequer sintoniza durante o dia.

      • Eduardo Jose de Andrade

        Realmnte nem mesmo o melhor marketing ia fazer pokémon bombar igual 2008, mas também teve descaso demais da própria rede tv, achando que depender só do twitter e fator nostálgico ia funcionar é um tiro no pé, mas DBS consegue ser um sucesso de audiência no CN mesmo com cr e sites piratas já terem DBS completo.

  • Miguel Arthur

    Eles se perderam em divulgação e tbm pulando episódios, que eu achei que não deveria.

    • João Carlos

      Qual ep pularam? Pq eu nao percebi

      • Eles pularam o episódio 17, apenas.
        Mas foi um mero descuido.

        • João Carlos

          Ah, verdade.

          • Vamos ver se terça-feira eles exibirão o episódio às 9h (considerando que ainda terá Turma da Pakaraka às 9h até lá, claro!).

    • Só pularam 1 episódio, e foi puro acidente.
      E a questão da divulgação na TV na prática pouco melhoraria a situação.
      Aliás, a divulgação de Pokémon na TV acabaria por ser irrelevante, porque a RedeTV! já não tem muita audiência durante o dia. Mesmo nos programas de maior audiência e repercussão do canal, não havia nenhuma garantia de que a contribuição poderia ser boa.

  • Ainda tão nessa de pokemongo meu vai atrás de tokusatsu aposto que vai ser igual a Ryukendo quer ver tua audiência subir rapidinho

    • Gugax

      Que tokusatsu o que colega, se Pokémon não levanta a audiência pela nostalgia. Esses tokusatsu coisa totalmente esquecida e de nicho que não vai dar audiência mesmo, ninguém liga pra essas merdas.

      • só que pokémon já vou reprisado varias vezes pela própria emissora e um produto já gasto

        • Lembrando que a RedeTV! não exibia Pokémon desde 2012 (embora uma afiliada dela no Amazonas supostamente andou reprisando o anime de forma clandestina até meados de 2017).

    • Se anime de uma marca popular foi esse desastre, qual é a garantia de que um tokusatsu apresentar resultados melhores?!

      • cara pokémon já foi repetido e reprisado varia vezes tem na Netflix e qualquer canto pra vc achar isso o povo tá cansado de pokémon cara,coloca um tokusatsu novo que não chegou a tv brasileira pra vc ver se num da mais resultado que pokemon

        • Um tokusatsu que só os poucos fãs conhecem?
          O atual público da TV Aberta já não anda com paciência nem com os Power Rangers.
          Imagina algo produzido direto no Japão, cuja qualidade técnica é um pouco inferior, dependendo do caso?

          É uma perca de tempo supor que isso daria audiência, sendo que não há garantias seguras de que isso de fato aconteceria. Acaba sendo encarado apenas como uma mera ilusão ou um papo de fanboy.

  • Luiz Carlos

    Decepcionante. Enfim, Pokémon era a única coisa que me fazia assistir nesse canal medíocre mesmo.

  • Léwow

    Eu nem lembrava q ainda tava passando bahahahaaah

  • Pelo horário, o público-alvo era criança/jovem, mas passar um animê de 1997 para a geração de 2018 é certeza de falha. É preciso pegar um animê atual.
    Se eles queriam atingir o público mais velho pelo fator nostalgia também é burrice, porque esse público, às 18:00h, está no trabalho/faculdade.
    Com essa total falta de planejamento, é óbvio que não daria certo.

    • Marcos Hater

      se a exibição fosse pra todo Brasil, e tivesse animes como Gundam Build Figuiters, Super Onze, Digimon Adventure HD e Yokai Watch teria uma audiência legal , pena que as licenças dessas séries são altas para a Rede Tv creio eu

  • Geo Hikari

    Porque então eles colocaram a serie nesta faixa? Fizeram da mesma forma que o SBT quando anuncia a exibição de qualquer programa,inclusive desenhos,como sempre. Todos que trabalham na emissora tem a burrice na frente e não pensam direito sobre o que fazer com um programa(incluindo anime infantil).

    Desde 2007,funk virou uma prioridade no canal.

  • Luiz Gustavo Aparecido

    Os Tempos são outros, antigamente não se tinha tanto acesso que nem hoje em dia. Fora que e bem mais difícil hoje em dia, parar pra conseguir assistir uma tv. E com a Netflix é todos esses serviços de streaming, a tendência é assistir TV cada vez mesmo. Enfim ninguém tem mais tempo, de sentar em frente a TV e assistir, ou fikar esperando até o outro dia pra ver o episódio.

  • Carlos Dimitrís

    ficou nem um mes no horario nobre e ja deram um jeito de capar o pokemon do horario nobre. parabens aos envolvidos…

    • RedeTV! não é Rede Brasil, onde qualquer audiência no horário nobre a satisfaça.
      O negócio não engrenou, não era nenhuma surpresa que seria tirado o quanto antes.

  • Teve 2 semanas pro negócio consolidar.
    Convenhamos, em 2 semanas, muita gente já devia estar bem informada que Pokémon estava sendo exibido pela RedeTV!.
    Passou disso e a audiência não melhorou, não é depois que a audiência vai subir.

    A propaganda que funcionaria nesse caso seria a boca-a-boca. Telespectador avisando telespectador.
    A divulgação por parte da RedeTV! no caso pouco ajudaria, desde conflito de públicos até audiência nem tão expressiva assim do resto da programação dela.

    • Nick

      Se eles fossem interessados ,colocariam os letreiros anunciando ,nos programas da Sônia ,Nelson , Luciana, Encrenca,q são programas q dao mais de 1ponto agora do jeito q as coisas andam ,daqui a pouco tira até do horário da manhã …

      • Pra quê?!
        Muita bobagem fazer uma coisa dessas.
        Primeiro que provavelmente são públicos distintos.
        Segundo, que o conteúdo divulgado não bate com o conteúdo do programa exibido.
        E terceiro, que a RedeTV! só ia fazer papel de ridícula se fizesse isso.

        Letreiro… olha as ideia!

        • Victor

          Não acho que seja uma bobagem esse forma de divulgação funcionama muito bem, o SBT por exemplo quando vai lançar algum programa, novela ou nova temporada faz divulgação em quase todos os programas mesmo novelas infantis os atores vão em programas como o The noite, Casos de família, Programa do ratinho e até os jornais fazem divulgação, se a Redetv fizesse divulgação no Encrenca que é um dos programas com mais audiência e feito para todos os públicos pasassem pelo menos uns anúcios no canto da tela muitas crianças que assitem o programa ficariam sabendo da sua exibição mesmo em programas que o público-alvo não é esse os país e avós poderiam ficar sabendo que vai passar e colocariam as crianças para assitirem.

    • Pitombo crus

      Quem dera 2 semanas fosse tempo pra consolidar kkkk, o programa de fofoca do SBT que era chamado Floflopalizando começou os primeiros meses perdendo até pra Band, mais de 1 ano depois agora ta disputando a liderança com a Globo nas tardes.

      • Precisou de menos tempo pra Pokémon se consolidar na RedeTV! em 2008.
        Com internet e tudo mais, 2 semanas era mais do que suficiente para todos os interessados descobrirem que o anime estava sendo exibido.
        Quem não descobriu é porque não se importava o suficiente com a possibilidade.

        Não dá pra generalizar.
        Fofocalizando é um caso.
        Pokémon é outro.
        Em um, geralmente é feito mudanças no conteúdo até a audiência reagir.
        No segundo, é impossível fazer o mesmo.

  • É controverso dizer que mais ou menos marketing nesse caso faria diferença.

  • O problema é que o pessoal que se mete a mexer com isso muitas vezes sequer conhece o produto ou tem a certeza do público-alvo com o qual está lidando.
    Quando não há uma consultoria de gente especializada no assunto, a chance de cometerem erros no processo é enorme.

  • Seto Kaiba

    Só porque eu tinha começado a assistir essa semana, está em widescreen, estava lindão e agora, fim.
    Agora sim, creio que é uma adeus final aos animes na TV aberta no horário nobre da tardezinha.
    Fiquemos com as boas lembranças da Manchete, Band Kids e TV Kids no auge.

    • E eu que sonhava em ver Yu-Gi-Oh! na RedeTV! agora terei que me contentar com o mesmo no máximo na Netflix e no YouTube, onde a repercussão não chega nem perto se o mesmo estivesse sendo exibido na TV Aberta com boa capacidade de visibilidade.

      • Falando nisso, Yu-Gi-Oh! Duel Monsters entrou completo na Netflix americana e recentemente adicionararam dublagem brasileira em todos episódios, é esperado que o mesmo conteúdo seja disponibilizado por aqui também.

        • Akise Aru

          É versão 4Kids? Se for nem vale a pena.

  • Toya Yukito

    Como querem audiencia com aqueles palhaços retardados?não estamos mais nos anos noventa o mundo mudou muito,é quem queria assistir animes na redtv eram os mais velhos por nostalgia ai me colocam uma palhaços aff por favor é claro que iria flopar

    • Só que o público nostalgista representa apenas uma pequena parte dos 0.3 pontos que a RedeTV! conseguia diariamente.
      Só esse público nunca ia dar conta do recado.

  • Eduardo

    Falta administração na RedeTV. Quiseram colocar um anime já saturado e com a apresentação de palhaços que ninguém gosta… O público jovem/adulto que assiste isso não gosta dessas coisas, deu no que deu. Falta planejamento.

    • O pessoal que já sabia que o anime era exibido por volta das 18h06 não tinha o porquê ficar se preocupando com os palhaços.
      Se não teve audiência, é porque simplesmente boa parcela do público não comprou a ideia de ter Pokémon na TV Aberta novamente.

  • Caio Martins

    maldição q merda ta passando jornal agora nao me conformo , a culpa e dese lixo que nao quer exibir o anime no brasil todo .

  • Mariana Cardoso Viana

    #Pokemonficanaredetv

    • Seria bacana se ficasse, e se com isso abrisse espaço para mais animes naquela faixa horária, para consolidar uma nova fase do TV Kids.
      Particularmente tinha a esperança de ver Yu-Gi-Oh! ter uma exibição decente na TV Aberta desta vez.
      Mas pra atender apenas 0.3 pontos de audiência quando se pode colocar qualquer porcaria com custo menor e capacidade de conseguir o dobro de audiência com menos esforço, aí fica complicado, né?!

  • yan jim

    Como reviver um bloco de sucesso em 5 passos (by: RedeTV!):
    Primeiro decrete a volta de um anime antes mesmo de adquiri-lo;
    Anuncie sua estreia diversas vezes no twitter e depois mude as datas subitamente pois falhou em adquiri-lo;
    Adquiria o anime;
    Compre uns palhaços ‘bem b0sta’ pra fazer o bloco bombar;
    Não veicule anúncios em sua programação.

    E tá pronto, aguarde 3 semanas e veja o bloco estourar de audiência.

    • Usar ‘falta de audiência’ como argumento para tirar um anime da programação é pura ignorância da RedeTV. Eles só compram o anime, só os exibem em algumas regiões e jogam a responsabilidade nos telespectadores em divulgar a série.

      Por isso que o canal deles nunca cresce.

      • yan jim

        Exatamente. Concordo com tudo o que você disse. Contudo acho que, quando falamos da compra de Dragon ball pela Rede Brasil e da compra de Pokémon pela RedeTV!, estamos tratando de assuntos diferentes. Posso estar errado, porém me parece que a negociação dos episódios de Dragon ball com a Rede Brasil foi feito diretamente com a Toei, que enxergou uma possibilidade de reinserir o anime na mídia nacional e “preparar o terreno” para o Dragon ball Super que viria a estrear um tempo depois no CN. Isso explica o fato de que foram impostas algumas clausulas contratuais que obrigam a Rede Brasil a manter o anime no ar, o que, ao meu parecer, é benéfico pras duas partes. Já a aquisição de Pokémon pela RedeTV! provavelmente foi mediada por alguma distribuidora aqui do continente. Nesse caso não deve ter existido qualquer interesse da distribuidora em valorizar o produto, uma vez que a mesma já deve ter recebido sua compensação e não receberá nenhum benefício direto com o sucesso ou não da atração (Saliento ainda que, não sei se é cabível, juridicamente falando, atitudes desse tipo por parte da Distribuidora). Provavelmente a The Pokémon Co. até desconheça o fato de que o anime tenha sido adquirido pela RedeTV!, pois já que a companhia não tem os mesmos interesses que a Toei, ela não se faz presente a frente das negociações da marca por aqui. Mas enfim, isso não apaga a atitude medíocre da RedeTV!, que cada vez é mais circo e menos emissora.

        • O jornalista Gabriel Vaquer do Observatório da Televisão revelou que a RedeTV! negociou Pokémon diretamente com a The Pokémon Company International desta vez, diferente do que você disse.
          Diferente de 2008, onde ela adquiriu Pokémon junto a Televix Entertainment com intermédio da Swen Entretenimentos.

          • yan jim

            Ta aí algo beeem surpreendente… Nesse caso a The Pokémon Company deveria mesmo tomar as devidas providências para “proteger” a sua marca.

      • Mas o raciocínio dela não está totalmente errado.
        Não adianta comparar RedeTV! com Rede Brasil, que são casos distintos e em situações distintas.
        Pokémon, em tese, era pra realmente mobilizar uma boa audiência pelo simples fato de estar na televisão aberta depois de 6 anos fora do ar. É uma marca popular que inclusive muita criançada conhece, e se supunha que a medida que o pessoal fosse descobrindo o anime, a propaganda boca-a-boca já daria conta do recado (tal como foi em 2008).
        Só que as coisas não foram assim agora.
        Como a audiência, com ou sem divulgação, dificilmente melhoraria, e estamos falando de uma emissora que preza por boa colocação, era natural que esse movimento acontecesse.

        Não adianta responsabilizar 100% a emissora, sendo que o público tem grande parte da culpa das coisas terem chegado a esse ponto.

        • Olha, acho que a melhor opção a se fazer seria exibir algum outro desenho inédito (talvez não necessariamente um anime) junto com Pokémon. A fórmula do “inédito” poderia ajudar um tanto (mas provavelmente não o suficiente) a mais pessoas se interessarem no anime, porém ficar apenas no fator nostalgia atrapalha um tanto, ainda quando não querem colaborar na divulgação.

  • Kaique Batista

    Baixa audiência? Eles só contam São Paulo. Deveriam contar a audiência do interior da Bahia onde moro. Enfim, contar a audiência do interior do Sul, Norte, Nordeste, etc. Deviam pelo menos medir a audiência da Parabólica como o Esporte Interativo BR faz…

    • 1 ponto de audiência na Grande São Paulo é aproximadamente 201 mil telespectadores, numa região que tem por volta de 40 milhões de habitantes.
      1 ponto de audiência nas outras regiões vale bem menos que isso.

  • Andrew Gleyck

    Trágico… Só isso que digo. -,-

  • Victor

    Isso que fizeram foi apenas chutar cachorro morto, as pessoas falam da grande audiência que o Tv kids dava mas se esquecem que o programa saiu do ar justamente por não ter dado audiência, esse negócio de repercussão/promessa de audiência e a realidade estão se mostrando cada vez mais distantes basta ver o exemplo de DGS que fica entre os assuntos mais falados mais nem aparece entre os 50 programas mais vistos até mesmo a Globo está se dando mal por seguir essa linha.
    O Tv kids é só mais um que investe no público otaku e vai para o mausoléu junto com o Locomotion/Animax, Fox kids/Jetix, Band kis e Tv globinho, é um público que gosta de fazem barulho, dá chilique, criar um monte de regras mas que dão pouco retorno.

  • Louiz

    Pior que depois dessa provavelmente a RedeTV! nunca mais vai querer saber de programação infantil novamente, principalmente se tratando de animes.

  • Mariela Hasslmenn Cançerleir

    DUVIDO MUITO ANIMES DESSES AS CRIANÇADA ASSISTE , NA VERDADE ELES QUEREM TIRAR TODA PROGRAMAÇÃO INFANTIL DO AR E COLOCAR ASNEIRA DE PROGRAMA CULINARIA A PRESSAO TB É FORTE NO SBT PRA TIRAR DESENHOS E METE BOBAGENS

  • Caio Martins

    e quem se importa com os outros programas idiotas desse canal , o importante e ter pokemon na programação para animar as tardes . ninguem merece ve desgraça todos os dias nesses jornais mediocres . to pouco ligando pro que acontece no mundo, eu so quero pokemon é a unica coisa que me diverte nessa miseria.

    • O jeito agora é seguir acompanhando na Netflix mesmo.

      • Caio Martins

        que netflix nada, internet eu so assisto os ineditos do japao, reprise eu prefiro assistir na televisao.

  • Luana Lordelo

    Com pouca divulgação na mídia e desinteresse por parte do público já era de se esperar.
    E agora com esse horário de manhã não poderei mais assistir, animes na TV aberta não sobrevivem por muito tempo.

    • A conclusão que se chega é que se não for o SBT a exibir animes na TV Aberta ou a Cartoon Network na TV Fechada, é fracasso na certa investir em animes na TV Brasileira.

      O pior é que a vitrine proporcionada pela televisão é muito importante, por justamente ela ser uma mídia de acesso gratuito, que chega nas casas de quase todos os brasileiros: os que conhecem animes, os que gostam de animes, ou os que nem conhecem ou nem gostam.
      Sem essa vitrine, a procura por esse conteúdo em serviços de streaming acaba sendo abalada, e o potencial de repercussão acaba sendo comprometido.

      Ou seja: na ter a TV nessa equação é mais lamentável do que pode parecer.

  • Luquinhas Cosra

    que noticia legal ,agora yo kai watch nao vai mais ser prejudicado

    • Agora que Yo-kai Watch vai continuar no nichinho de sempre mesmo.
      Dificilmente terá a oportunidade de sequer chegar perto do sucesso que foi Pokémon quando estreou na TV Aberta.

      Um potencial que não será explorado por puro e simples interesse do telespectador comum brasileiro.

  • SBTista FANÁTICO

    1 – essa história de que a emissora não passou pro país inteiro não contribuiu nada para a saída de Pokémon da grade, pois passava em SP e quem é bom entendedor de TV sabe muito bem que a audiência de SP é a que mais importa.

    2 – existe muito essa história de que a emissora não divulgou, mas teve tempo o suficiente no ar pra dar ibope.

    3 – o ibope foi baixo porque apesar de falar que tem, o público não tem interesse nenhum em ver Pokémon novamente da 1 temporada.

    4 – pra resumir, saiu do ar por falta de interesse do público.

    5 – Pokémon marcava 0.3 de média, o Operação de Risco que vinha na sequência em cerca de 10 minutos já erguia esse ibope pra 1.5. O que mostra a falta de interesse do público.

    6 – gente que assiste anime não vê televisão. Prova disso são os animes da Rede Brasil que não marcam nem 0.1 no ibope. Vai dizer que a Rede Brasil não passa em um bom horário também???

    8 – a culpa é toda do público. Vocês falam que vão ver, que vão dar apoio mas no fim das contas sempre decepcionam.

    • 1 – Contudo ela pode ter atrapalhado a repercussão do anime nas redes sociais, em especial o Twitter, com a tag #PokemonNaRedeTV.
      Com mais gente, e se essa tag tivesse conseguido chegar nos trending topics, havia muito mais possibilidade de ainda mais gente ficar sabendo da exibição.

      2 – De fato. Com internet ainda mais acessível do que há dez anos atrás e com uma quantidade interessada em animes ou que conhece Pokémon bem maior do que em 2008, duas semanas era mais do que suficiente para os interessados ficarem sabendo a respeito.
      Qualquer coisa diferente disso acaba sendo um descaso.
      Além de que, em 2008, com menos de 2 semanas, Pokémon já estava mostrando resultados positivos.

      3 – Não há base o suficiente para confirmar que o fator “1ª temporada” foi um dos motivos do fracasso dessa empreitada. E não há garantias sólidas de que se tivessem exibido a 14ª, 17ª ou a 20ª conseguiriam resultado diferente.

      4 – Bom ressaltar que estamos falando especialmente do telespectador não-otaku ou que não tem o costume de apreciar animes.

      6 – O caso da Rede Brasil já tem dois agravantes: a repercussão e reputação ainda piores do que a RedeTV!, e o fato de que já reprisou os dois animes umas trocentas vezes, o que torna a perda de público algo natural e já esperado.

      8 – Muitos dos telespectadores que compuseram os 0.3 pontos de audiência diários são de gente que efetivamente acompanha os desdobramentos dessa história desde Dezembro de 2017, e uma parte inclusive apoiava as iniciativas no Facebook da página Rede TV, Queremos o TV Kids de volta e no Twitter atráves do perfil @TVKIDS2018 e a hashtag #PokemonNaRedeTV.
      Ou seja, fica bem claro que só fã não adianta nada quando se trata de empreitadas do tipo na televisão.

    • João Carlos

      1 – 3 semanas so com divulgação no Twitter não conta, sendo que muitsa gente ja tinha desistido de ver de tanto adiamento
      2 – Rede Brasil não esta disponivel no pais todo e nem na NET

    • lucas guida

      Mas o público assiste sim quando a emissora faz sua parte, a prova é DBS no CN. O canal divulgou seu produto nas redes sociais e conseguiu boa audiência. E yo-kai watch no disneyXD que começou a ser exibido em 2016 e hoje já conta com duas temporadas e um longa dublados para o português. Ou seja, a emissora tem sim parte da culpa.

  • Jonas Dominot

    Aqui no RS, pelo menos, não passou, nos horarios que eram sedtinado ao pokemon
    Aqui estava passando programação da emissora local, pois ela divide o canal com a rede pampa

    • TV Pampa é um caso complicado.
      Apesar dela ser afiliada da RedeTV!, na prática ela se comporta como se a RedeTV! fosse afiliada dela.

      • João Carlos

        Rede Pampa é burra, passou pokemon na epoca da Record e na epoca da Rede TV, teira uma otima audiencia se fizesse marketing

      • Jonas Dominot

        Pois é celso, nunca entendi muito bem a relação das duas

        • Deve ter algum problema judicial ou algo do tipo, já que estamos falando de uma emissora que era afiliada da antecessora da RedeTV!, a Rede Manchete.
          Mas não tenho exatamente certeza disso.

  • Andre TR

    Que pena que vai acabar com o horário das 18h, eu tava acompanhando e esse horario das 9h nao da pra mim assistir, e coitada da Rede TV achando mesmo que passar Te peguei aquele programa b0$ta nada engraçado vai mudar alguma coisa na audiencia, enterrem logo esse canal inútil

  • Cristiano Lopes (Gamer Web)

    Porcaria de pokemon, eles deveriam colocar digimon, daria mais audiencia.

    • Louiz

      Iria dar 0,0 pontos de audiência.

    • Pokémon, que é muito mais popular que Digimon, já foi esse desastre.
      Imagina Digimon?!

  • Guilherme Alves

    Bem o negócio é o seguinte na rede aberta em Belo Horizonte o único horário que tava sendo transmitido era a partir das 18:00 no horário da manhã “09:00 horas” fica passando programação da igreja mundial! Sinceramente me desculpe quem é evangélico mais eu não conheço ninguém que perde seu tempo vendo isso, e o pior a Rede TV não se impõe para retirar essa transmissão local a este horario. Como eles querem audiência se na hora que está passando o anime nacionalmente a rede local o substituí por uma programação inútil e outra o horahor de 09:00 é um horário em que ou as pessoas estão dormindo ou as pessoas estão trabalhando ou estudando! Aí fica foda