Divulgação. © Turner

A Turner anunciou que o canal Toonami Asia, incluindo seu portal de streaming, serão extintos no fim do mês de março, informa o site ToonamiFaithful. O anúncio oficial foi dado pela filial da programadora que atua na região da Ásia e Pacífico.

Lançando em 2012, o Toonami Asia tinha sua programação voltada para séries de ação produzidas pela Warner Bros. Animation e Cartoon Network, como Ben 10, Jovens Titãs, Mutante Rex, Liga da Justiça, além de animes como Dragon Ball Super. Apesar do nome, o canal se distanciava da proposta original do bloco que o originou, que sempre foi voltado apenas para exibição de animes.

No comunicado, a Turner agradece aos fãs pelo apoio e pediu que continuem acompanhando o Cartoon Network e Boomerang, mas não revelou os motivos do fechamento.

Atualmente, o Toonami Channel está presente na França, Índia e África.

  • pena

  • Eryk Oliveira

    Quê que está acontecendo?!

  • Era de se esperar…

  • Kaio Honorato Rodrigues

    Turner, por que você fez isso?!

  • Vinicius Delacierra

    A Turner LA vendo isso é uma disculpa para não trazer de volta às terras da América do sul…

  • Eryk Oliveira

    “Animes da PlayTV mudam de horário na tarde”
    Quando o Anmtv vai falar sobre isso? Tá no facebook da PlayTV.

    • Nem é algo tão relevante a se falar no blog. Se mudassem para exibição de volta lá entre às 17h e 17:30 como era em 2014, aí sim seria uma diferença daquelas. Meia hora mais tarde dá pro cheiro, mas não faz quase nenhuma diferença pra quem não está em casa no horário, como é no meu caso.

      • Eryk Oliveira

        É, mas fica a duvida: o que a PlayTV ganha ao colocar top game no lugar? Eles estão tão ruins de audiência ao ponto de recorrer a venda de horário, ou fizeram isso para conseguir mais grana para, sei lá, algum anime famoso? Ou para algum outro programa deles?

        • Sei lá, viu. Eles estão há tempos exibindo esses programas independentes nesses horários (algo que eles não deveriam fazer pelo simples fato da PlayTV ser um canal pago), usando falta de renda como desculpa. A pergunta que não cala é: isso está realmente valendo a pena? Estão conseguindo receber algo útil com isso, mesmo não exibindo um anime novo há tempos?
          Se continuarem nessa mesmice, vão virar uma Mix TV da vida, ou pior… Uma “nova RedeTV”, só que da TV a cabo.

          • Eryk Oliveira

            Ganhando eles não estão? Porque se estão ganhando mas não estreia nada, a lógica seria que eles estão juntando grana para voltarem com tudo. E vamos supor que seja animes: eles poderiam estar fazendo isso porque QUEREM dublar animes. A tempos eles falaram que ainda querem investir em animes, e se não investiram até agora, é porque não juntaram grana o suficiente para isso.

            Quer saber a real? Entendo que estamos impacientes com a PlayTV não trazer nenhuma novidade ATÉ HOJE. Mas todo mundo fala como se o canal tivesse parado de passar animes. Na minha opinião fazer alarde por falta de novidade é ridículo, visto que ainda está passando alguma coisa no canal ainda. É o que eu digo: No dia que parar de passar animes na PlayTV, aí sim podem começar a se preocupar.
            Temos que lembrar que a PlayTV não é um canal exclusivo de animes, é um canal VAREADO, mas voltado para nós, jovens. E animes dos mais famosos também são voltados para jovens, por isso fica dentro da proposta do canal passar animes. Mas eles começaram a trabalhar com os animes não tem muito tempo (em termo de anos na industria). E qualquer um de nós aqui no site sabemos da DIFICULDADE de conseguir animes. Nem os canais grandes davam conta, sendo a proposta deles ou não. E a PlayTV começou a perceber isso também quando começou a trabalhar com Naruto Shippuden e Bleach, que foi onde toda essa onda começou. Mas serviu como um ponta pé para o canal encontrar um grande público, por isso colocavam no facebook que animes nós queríamos, porque até aí eles não sabiam do especilho que era de conseguir. E agora que eles sabem da dificuldade, mas ainda querem trabalhar com animes, eles estão veeendo como podem contornar isso.

            E convenhamos, se o canal chegar estreando Fairy Tail, My Hero Academia, To Aru Majutsu no Index, Sword Art Online…
            Não estou dizendo que eles dão conta de conseguir um desses, mas se pegarem pelo menos UM anime desse nipe e estrear dublado, sendo que não tem na Netflix, Amazon, nem em DVD como CDZ Ômega dublado tem, eu te pergunto: Vai bombar ou não vai?

            Hoje em dia diziam “por quê não tem mais animes dublados” ou “onde passa animes no Brasil?” Escutamos muito isso. E a resposta é “Aniplex” e a veelha história que conhecemos.
            Agora, e se algum dia estiver passando animes de sucesso na PlayTV, vão se perguntar: Onde dá para assistir animes dublados? Agora você vai responder “Netflix, cr e, (possivelmente) PlayTV. Sacou?

          • É uma boa conclusão, mas se o canal quer investir em animes dessa forma, acho que ainda deve levar muito mais tempo. Mas enquanto o canal mostrar que quer investir no conteúdo, não há muito o que se preocupar.
            Mas não seria nada mal se tentassem exibir um anime mais simpleszinho…

          • Eryk Oliveira

            Essa é a questão.
            O problema é que parte de nós está desacreditada e tem gente que até está fazendo alarde no facebook deles. Como se tivessem parado de passar animes, sendo que ainda está passando Bleach e Yu-Gi-Oh!
            Quando for assim, é bom avisar para quem gosta de animes, ou um dos dois, que está passando na PlayTV. Se fizerem isso, só vai incentivar mais ainda a audiência e animar mais ainda o canal de trazer mais animes.

            Eu ainda acho que eles querem investir. Um tempo atrás eles entrevistaram os dubladores de animes e outros desenhos. E recentemente contrataram uma Cosplay Br para fazer uma cobertura internacional. Como forma de dizer que ainda se interessam por animes.

          • Eryk Oliveira

            E outra, se eles conseguirem verba o suficiente para bancar a dublagem do Shippuden também, e exibirem primeiro que a Netflix ou clarovídeo, vai alavancar bastante o canal e ficará bem visto para o público de animes.

  • Eduardo Jose de Andrade

    Será que foi por baixa audiência? e infelizmente isso seria mais um bode expiatório pra Matriz do CN não tentar vingar o bloco na Ame´rica Latina.

  • Eduardo

    Ficou parecendo que esse canal era só para testar mesmo e depois lançar mundialmente ou não…

    • De qualquer forma ele ainda existe nos locais citados na notícia.

  • Yuki

    É uma pena, mas espero que os caras da Turner daqui não usem isso como desculpa esfarrapada pra não retornar com o bloco na América Latina…

    • Juniorbf41

      Quem falou que vão retornar ?

  • Jose Rodolfo F.F. Junior

    pois é…

  • Tá parecendo o Animax lá de 2009 kkkkkk

  • Erivelton Freitas

    É interessante a gente ver isso acontecer, para que se possa criar a discussão de… ‘Como os desenhos de ação estão sendo vistos, queridos e consumidos hoje em dia?’.

    Muito se fala em desenhos de ação, principalmente por aqui. Não são poucos os que gritam aos quatro ventos que um dos problemas dos canais infantis é a falta de desenhos de ação, presentes em quantidades satisfatórias em anos anteriores. Mas olhem só isso, um canal 100% dedicado a desenhos de ação, sendo extinto. Curioso, não?!

    No Brasil, isso também acontece com frequência… O Cartoon Network, a Nickelodeon e o Disney XD, que sempre olharam para esse gênero, hoje não dão mais importância, se focando em comédias. Os poucos que ainda exibem, isolam esses desenhos em blocos, em momentos específicos da programação.

    Cartoon Network não produz mais desenhos de ação originais, desde o cancelamento de Mutante Rex, eu não vi e não me lembro de nenhum outro. Esse novo Ben 10, nem pode ser considerado como ‘Ação’, levando em conta a proposta e traço. Liga da Justiça Action sumiu da programação tão rápido quanto estreou. Bem curioso isso.

    Nickelodeon que o diga. O Traço do novo Tartarugas Ninjas só mostra que ela quer fugir do realismo e da ação, tal qual o CN fez com Ben 10. A Situação de A Lenda de Korra, com índices de audiência tão baixos, só serviu para o canal deixar de lado animações de ações.

    Já o Disney XD, vive do Marvel Universe, que querendo ou não, não tem audiência relevante em lugar algum. As séries são renovadas unicamente pela audiência americana, quem nem é essas coisas toda, não pela audiência daqui, e olha que ninguém nem sabe se aquele programa, exibido de manhã logo cedo ao sábado (horário ridículo), realmente corresponde ao que eles querem.

    Ou seja, os canais estão deixando o gênero de ação de lado porque não corresponde a eles da forma esperada, seja pela venda de produtos, pela audiência baixa ou pela visibilidade. O gênero está sendo abandonado em nível global por emissoras infantis ocidentais, que focam agora em comédias animadas para adolescentes.

    O Interessante mesmo, é pensar no porquê disso… Uê, mas o público não pede tanto pelos desenhos de ação, e porque os pouquíssimos que são exibidos, são postos em horários tão ruins, são cancelados ou somem da programação do canal em pouco tempo?! Talvez a resposta esteja entre o PEDIR e o REALMENTE ASSISTIR. Curioso isso!

    • Eryk Oliveira

      Ué, o Disney XD veio com Mach X 4 e agora com a série animada do Big Hero. E você já viu o Enrolados Outra Vez? A ação é frenética lá.
      A Nick e a CN eu não faço ideia. Mas se tiver algum programa de ação passando nesse canais, eu assisto. Acompanho direto o Marvel Universe. Infelizmente eu não conseguia acompanhar o Star Wars Rebels antes porque era em um horário ruim pra mim. Era Meio dia e o meu pai queria assistir programa de esporte. Só podia contar com as exibições especiais como o Star Wars Day. Minha alegria foi ver colocarem SW Rebels após o Marvel Universe recentemente.
      E agora que eu lembrei, a Nick tem Miraculous que está bombando. E um que estreou agora que é tipo Winx mas eu esqueci o nome, mas é de ação também.

      Na minha opinião mesmo são os horários. Quem é que fica pedindo ação? São os jovens? Adultos que cresceram em época? E os jovens que estudam de tarde e os adultos que trabalham durante o dia inteiro? Vão assistir como se não colocam em horários bacanas? Crianças perdem o interesse rápido se passa um ep por semana, e só vai assistir valendo mesmo se os amiguinhos ficarem falando na escola. Tendencia. Influencia. É familiar para você? Agora como eles vão assistir os desenhos de ação do CN se quase não tem chamadas para eles? Sabe qual foi a salvação disso? Netflix. Nós assistimos a hora que a gente quiser sem precisar ficar comprando DVDs todo mês e ainda custa cerca de R$19:90 até R$37:90. Porque acha que ficou tão famoso? “Mas se é assim, não deveriam estar no auge também?” Também tem aquela coisa de audiência. Os caras não querem perder o público na TV, justamente porque é lá onde passa os comerciais dos produtos que eles querem vender e tudo mais. Resultado? Agora a Disney, Warner(CN) e toda essa galera estão optando por streaming próprio que nem Netflix, só que O DELES. A jogada agora é multiplataforma e se vai ter mais desenhos de ação? Só o resultado disso dirá.

      E outra. Se a audiência não é lá essas coisas, mas o desenho de ação chegou até a quarta temporada, foi por causa da venda de produtos que sustentam demais. Isso vale para todos os canais.

  • Moa

    A Turner so pensa mesmo no CN Eua. Eles nao querem exporta o Toonami para outros paises mesmo. Eles nao querem que saia da matriz do Canal por isso o CN esta lixo com poucas novidades em varios paises.

  • Eduardo Oliveira

    Quanto ao Tooncast eu não me preocuparia pois usar o Toonami Channel da Ásia como um fracasso e usar ele como um exemplo pro fim do Tooncast seria uma desculpa muito ruim pois os dois canais tem propostas bem diferentes.

  • João Carlos

    O Toonami India é como um Tooncast na realidade.

  • Eryk Oliveira

    Concordo com o que você falou.
    Eu assisto TUDO na TV. Eu só assisto pela internet se não tiver mais passando na TV. Mas se estrear, ou sumir e voltar a passar, eu largo a internet e só fico na TV. O pessoal que se acostumou pela internet está MUUUUITO mal acostumado. Eles querem que o programa deles, seja série, anime, até o desenho, tenha mais episódios? ELES SÓ VÃO CONSEGUIR SE ASSISTIREM PELA TV! Se estrou na TV, tem que assistir pela TV. Se estreou na Netflix, tem que assistir pela Netflix. Se estreou na Amazon ou cr, tem que assistir neles. Agora, se assistirem gravado no YouTube, não vão ganhar NADA. Quer nova temporada? Pelo youtube é que não vão conseguir.

    Entendo que tem gente que não tem dinheiro e só dá para pagar a internet. Mas SE você tem dinheiro para pagar uma TV fechada, ou assinar a Netflix, e quer assistir os programas que estiverem passando em um dos dois, então PAGUE. Só assim você vai ter certeza de que vai conseguir novidades. E se não tem dinheiro, peça para os pais, arrume um emprego, que hoje em dia tem pacotes bem baratos.

  • Miih Morais

    Meu Deus, um canal de anime que passa Ben 10 e Jovens Titãs, vou falar é nada…

    • João Carlos

      Toonami não é so anime, sempre foi focado em desenhos de ação.

  • Rafinha

    Do jeito que o CN de lá tá. nenhuma falta fará!