Turning Mecard: Mattel lança franquia coreana no Ocidente

Por Nielsen Souza em

Divulgação. © Heewon Entertainment

Seguindo o exemplo da Hasbro, que agora detém os direitos de Beyblade, a concorrente Mattel vai lançar em breve neste lado do mundo a Turning Mecard, franquia sul-coreana que conta com anime e linha de brinquedos. O objetivo da empresa é repetir no mercado ocidental o mesmo sucesso que a marca faz entre o público asiático.

Lançado em 2015 na Coréia do Sul pelos canais KBS e Animax Ásia, o anime é uma criação de Atsushi Maekawa, responsável pelo roteiro de episódios de Digimon, Dragon Ball, Yu-Gi-Oh!, entre outros. A primeira temporada de Turning Mecard conta com 51 episódios com meia hora de duração cada. O sucesso entre o público já garantiu a produção de uma 2ª temporada.

Na história, os Mechanimals, organismos vindos do espaço exterior, utilizam técnicas poderosas para se fundir com cartões e se transformar em gigantescas criaturas mecânicas. Um grupo de crianças começa a procurar pelos Mechanimals para que eles tornem seus sonhos realidade. Juntos vão se tornar grandes amigos e viver uma série de aventuras.

Turning Mecard já está sendo negociado pela Mattel com diversos canais ao redor do mundo.

Comentários
  • Não duvido que esse chegue ao CN ou Disney XD em algum momento.

    Desconhecia a marca mas se chegar por aqui darei uma olhada.

    • Dark Leon

      Certeza que vira para o CN visto que será a Mattel que vai trazer o anime…

      • jaiden shiba

        Seria engraçado se a mesma parceria que obriga reprisarem
        cada filme da Barbie centenas de vezes acabasse trazendo isso
        ao cartoon.Mas não vejo a atual direção entusiasmada em passar
        tantos animes,então poderia ir para outro canal(lembrem que Ever
        After High da Mattel passa na nicklodeon).

        • João Carlos

          E Polly passa no DK

      • Gabi

        Mattel já levou Barbie e Max Steel para o Cartoon, não duvido nada dá exibição dele por aqui, já na Disney XD eu acho bem improvável.

  • Jogo de cartas dos Transformers?

    https://i.ytimg.com/vi/23hwTOXVSG8/maxresdefault.jpg

    Tem cara de destinado a obscuridade com Moshimo, Caotic, Duel Masters, Dinossaur King etc…

    • Gabi

      É tanta jogo de carta que não dá nem para lembrar de todos hehe.

      • No final os que ficam foram Magic, Pokémon e Yu-Gi-Oh. Ainda mais Pokémon porque a Copag tá dando apoio massivo a marca.

    • Luana Lordelo

      Dinossaur King era destinado à obscuridade?

      • Pergunte a 50 crianças se elas ainda lembram de Dinossaur King.

        • Luana Lordelo

          As crianças de hoje não assistem animes, nem quem deve ter vivido na época que Dinossaur King passava deve se lembrar.

          • Assistir, assistem. Só que Dinossaur King era baseado num jogo de cartas de Arcade que nunca chegou ao ocidente, além de produtos que ficaram no mercado obscuro lá fora. Enquanto a cópia: http://esconderijodokoi.blogspot.com.br/2014/06/animal-kaiser-namco.html

          • Luana Lordelo

            É uma pena, gostava de Dinossaur King. Outro problema que vejo são crianças que não conseguem distinguir animes de murikanimes (mesmo que algumas animações nem tenham contato com o Japão e sejam em CGI).

          • Dinossaur King era bem precário em roteiro e animação, mas melhor que muitas coisas como Monster Rancher que teve produtos relacionados e nada lançado aqui.

    • Edmar Filho

      Na verdade, acho que é muito brinquedo num anime só pra ficar na obscuridade, ainda mais por que a MATTEL está diretamente envolvida.

      • Pelo menos são veiculos que viram robôs e não esferas ridículas como em Bakugan. Aliás tem uma loja aqui ainda com encalhes da série dois dessa coisa.

  • Com muita sorte esse anime vem por aqui ou pelo CN ou pelo XD. Os animes infantis aparentam estar ganhando mais força na TV paga pelo menos depois de Beyblade Burst ter sido anunciado pelo CN :B

    • ❀ 宮古中川 ❀

      É bem assim,animes infantis estão ganhando espaço de TV Paga. Mas problema está é de otakus brasileiros tem preconceito que animes infantis fosse focado de público-alvo só apenas crianças,eles querem mais animes de público-alvo fosse entre 16 e 18 anos no TV Paga. Mas se eles querem mais animes que tem ajudar audiência subir,consumir mangás,comprar figures,fazer coleção de DVDs/Blu-Ray,assistir legalmente seja for steaming na forma oficial e respeitar o dublagem brasileira. Aí tal coisas na chegada de animes no Brasil tem mangás,figures e assistir de TV que os otakus nem vão ajudar ou não consumir,eles estão ligando “Foda-se” só assistir animes legendado e sites ilegais. Que depois reclamam os animes estão extinta de TV,eles não deram retorno…Os otakus brasileiros precisam abrir olhos pra enxergar realidade seja lido,aí vai ter bastante espaço de TV. Mas não vão ajudar nem consumir ou incentivar,é pena…

      • Luana Lordelo

        Não sei qual a razão para preconceito com animes infantis, são animes como todos os outros, você pode gostar e assistir mesmo que o público-alvo sejam as crianças. Depois reclamam de existirem poucos animes em exibição por aqui.

        • ❀ 宮古中川 ❀

          Eu sempre incentivo meus sobrinhos assistirassem animes infantis,já eles tem 8 e 15 anos. É ótimo ideia que TV Paga estão investindo por animes infantis,não tem otakinhos revoltados só sabe encher o saco até querem animes de E…chegasse no Brasil. Aí seria canal ia apostar anime de E…só otakinhos alienados vão assistir,seria bem estranho né? Mim,eu acho todos animes deveriam ter público-alvo na forma bem diferente e apostas de canais tá fazendo…Eu espero muito que canais investir muito cada anime tem público-alvo diferente,uma é público-alvo só 6-12 anos e outro é público-alvo só 16-18 anos…Eu espero otakinhos se entendem existe público-alvo no anime infantil de canal tá investindo pra não encher o saco ou reclamar só tem poucos animes em TV Brasileira,até parece eles tem ódio de animes com dublagem brasileira. Eu não espero muito vindo os otakinhos revoltados vão reagir que chegada de animes no Brasil por causa no dublagem brasileira,depois falam porque animes estão extinta de TV Brasileira que sendo foram eles reclamam ou se revoltam pra ver dublagem de anime. Muito contrário,né? Até hipocrisa reina…

    • Gabi

      Aposto mais em uma exibição no Cartoon, Max Steel e Barbie foram para o canal, não duvido nada deles levarem esse anime para o canal, já para a Disney XD eu acho improvável.

  • João Carlos

    Parece um “anime” interessante para crianças e a animação ta otima pros padroes coreanos.

  • Léwow

    mais um novo bakugan chegou

  • Luana Lordelo

    Até que está bom para a Coréia. Mas conta como anime? Só tinha visto animações japonesas até então.

    • Antônio sales

      Conta sim

    • Gabi

      Conta, não só dá Coreia como dá China também.

      • Luana Lordelo

        Isso é bom, já que é o Japão que domina esse tipo de animação.

  • Erivelton Freitas

    Um animê cujo objetivo é vender cartas de duelo e hot wheels metidos a transformers?! Nossa, dou minha cara a tapa se o CN não comprar isso! Inclusive, tenho certeza que será exibido tanto no CN USA quanto no CN BR

  • Kaio Honorato Rodrigues

    Nem parece que foi feito na Korea, tem cara que foi feita no Japão!

    • Tem Atsushi Maekawa no meio, então é produção japonesa também. A animação é coreana mas o roteiro é japonês, digamos xd

  • Yuri Luiz

    Minha primeira impressão foi: NÃO. Vamos ver se a história envolve…

    • Gabi

      A marca é para as crianças, não se julga história nos animes desse tipo, é a mesma coisa que você esperar uma história incrível de Backyardigans ou Bob o Construtor.

  • Gabi

    Nunca nem tinha ouvido falar dessa marca, se fizer sucesso no Brasil e o anime vir para algum canal talvez eu dê uma olhada.
    Aliás só eu me lembrei dql desenho antigo dá Discovery Kids? Assistia aquele desenho junto com a minha irmã, ela era alucinada por aquela animação. Mecanimais o nome dele: https://uploads.disquscdn.com/images/f315783367d435a95e899c0dcdb11b3520d1e067ebe56b25ffe5f5ba75fa5111.jpg

    • Edmar Filho

      E pensar que a ideia inicial desse Mecanimais era ser uma espécie de sucessor de Beast Wars…

      • Gabi

        Ashaushuahausua, nem mudou tanto assim né? Huehue.

  • Edmar Filho

    Uma fabricante de brinquedos trazendo um anime assim para ajudar a engrená-lo no Brasil me faz pensar se uma parceria de editoras de mangá e distribuidoras não facilitaria medir a popularidade de alguma obra por aqui a ser trazida para exibição em streaming e TV, até por que uma coisa tá ligada a outra, mas é só uma hipótese.

  • Marcelo Kirito

    Mistura de Transformers com Yugi oh coisa horrorosa kkkkk. Nada contra só não me agradou.