TV Tokyo anuncia criação de divisão de licenciamentos

Por Matheus Sousa em

TV Tokyo / Divulgação

A TV Tokyo anunciou a criação de um novo departamento interno que será responsável pelo licenciamento seus principais produtos, visando compradores de potencial espalhados por todo o mundo.

A divisão será responsável por gerenciar todas as atividades que envolvem a marca no exterior, de novos acordos ao financeiro, com três departamentos: operações de conteúdo, anime e planeamento internacional.

Por enquanto não se sabe como esta divisão atuará direta ou indiretamente na licença de animes. Em todo caso, este parece ser um passo importante para a aproximação de um mercado tão vasto em conteúdo mas que ainda sofre várias preconceitos por partes no Ocidente.

Comentários
  • Yellow Hair

    bem provável que só o mercado americano é que vai se dar bem com isso…

    • Raava

      Justamente… Talvez o mexicano e português que investem alto em animes também.

      • SaintARMOR

        Não investem tão alto assim não. Não em comparação ao mercado norte-americano.

        • Raava

          Que necessidade chata de mostrar que domina mais do assunto que os outros. Eu nem comparei com o mercado NA, pelo contrario, acrescentei esses dois complementando o comentário acima. Se fosse um comparativo, seria com o brasileiro, que investe menos que esses dois últimos.

          • SaintARMOR

            Proporcionalmente, o Brasil não investe tão menos assim que o México, e nem tão menos assim que Portugal. Não se esqueçam que mercado de animes não se resume à televisão. O streaming aqui no Brasil já é bem forte.
            Enquanto Portugal ainda tem mais animes sendo transmitidos na televisão, os catálogos da CR e da Netflix em questão de animes no Brasil dão uma surra nos de Portugal.

          • Raava

            Concordo, mas nem entrei nesse mérito do streaming pq tem muito anime que chega neles apenas legendado, já na TV a dublagem é garantida. E no quesito material dublado pelo que vejo nas grades do México e Portugal eles dão uma sova no Brasil, é um acervo bem extenso e com obras até recentes, inclusive.

    • claudio

      Depende, se a tv tokyo de ter a ideia de novo canal pago em que parte da divisão é administrada por grupo americano já existente com canais de assinatura no brasil e mais junto essa tv japonesa financiando a emissora no exterior, as chances aumenta de canal de animes chega aqui no nosso país , e mais em lugares america latina, europa, asia e outros continentes.

  • Zen Ryo

    Na real,só estou interessado na parte sobre os animes.
    Se isso contribuir pra exibição de novos animes dublados,para mim isso já é mais que perfeito.

    • Yellow Hair

      só que negociar é algo muito difícil…principalmente com japoneses, sorte da Funi que eles sempre tiveram boas relações com eles

  • Zen Ryo

    Tomara que isso seja a oportunidade de ouro para que canais como o Play TV,Rede TV ou quem sabe a Band possam (no futuro) investir em animes sem terem que passar por uma burocracia infernal.
    No caso do Play TV quer voltar a passar animes,isso seria ótimo,pois na sua situação atual,voltar com os animes é que nem o Ash vira mestre pokemon,simplesmente impossível.

  • Léwow

    ATÉ QUE ENFIM POR QUÊ FICAR DEPENDENDO DE TELEVIX, DE VIZ MEDIA E DE NELVANA NÃO TEM QUEM AGUENTE

    ALÉM DE FAZER UMAS ADAPTAÇÕES RIDÍCULAS DE COISAS QUE NAO PRECISA, CENSURANDO COISA BESTA

    ISSO JÁ DEVIA EXISTIR HÁ MUITO TEMPO NÃO SÓ AGORA, ASSIM OS ANIMES SERIAM BEM MAIS POPULARES AO REDOR DO MUNDO DO QUE DEPENDER DE TERCEIROS PRA ISSO

    SE ISSO TIVESSE ACONTECIDO ANTIGAMENTE TALVEZ NÃO TERÍAMOS SOFRIDO TANTO NAS MÃOS DA 4KIDS E VIZ MEDIA

    É POR ISSO QUE QUADRINHOS/DESENHOS AMERICANOS SÃO MAIS POPULARES AO REDOR DO MUNDO É POR ISSO QUE HOJE A GENTE ENCONTRA CAMISAS DE SUPER HERÓIS, DA CULTURA POP, ETC EM LOJAS COMUNS COMO A C&A, RENNER, PORQUE ELES SABEM TRABALHAR A MARCA

    AGORA, CAMISAS DE ANIME, OU A GENTE FAZ ARTESANAL EM CASA OU SÓ COMPRA EM LOJAS ESPECIALIZADAS, ONLINE OU EVENTOS, É COMPLICADO ISSO.

    • Gabriel Campos

      De todos animes que vi que são da Viz, nenhum foi censurado, o único problema é quando ela pega animes para distribuição e acaba dificultando a exibição simultaneamente por outros meios. Mas cortes, censura e adaptações não costuma acontecer, exemplos: Bleach, Naruto e OPM!

      • Geo Hikari

        O velho método americano de não assustar crianças do pais com coisas ”inapropriadas” inocentes. Existe desde os anos 60,justamente a década em que as emissoras abertas americanas começaram a se apoderar de distribuições focalizadas em outros paises,impedindo que um grupo pegue para um pais o original japonês por ser para eles bastante forçado.

        Para estes maiorais,animes são feitos para vender brinquedos para crianças e adultos. Funciona na realidade que uma produção é para divulgar uma linha de colecionáveis e para expor idéias de roteiristas e produtores para não por branco numa grade,com diversos conteúdos para um horário especifico. Tudo em animes é separado por classe e não para criancinhas. A 4Kids sabia disso e ainda queria monopólio internacional,incentivando a Nelvana que nutriu de Beyblade 1 para fazer suas próprias estratégias. Logo,as duas agradeceram a Saban.

      • SaintARMOR

        Zatch Bell. Embora a Viz tenha evoluído e melhorado com o tempo.

    • Rock Lee

      Cara, a 4kids era merda mesmo, mas não culpe a Viz Media. A Viz nao é uma empresa ocidental mercenaria que quer simplesmente se apoderar do material japones, eles praticamente são a Jump ocidental, licensiam tudo relacionado aJump, desdos mangás, licenciados, e muitas vezes animes.
      No caso de Naruto, a censura nunca veio da Viz, e sim do Cartoon Network, que queria um pubpúbl mais amplo para a serie. E se nao tivesse sido está estratégia, Naruto nunca teria passado no SBT por exemplo, e não teria a força que tem hoje. E a censura no primeiro lote de Naruto era aceitável, começou a pesar lá pro terceiro lote, onde cortavam qualquer soco, coloquavam biquínis escrotos nos Jutsu Sexy, mas nada disso ér culpa da Viz.

      • SaintARMOR

        Na verdade, nos primeiros episódios a Viz chegou sim à editar Naruto. Remoção gráfica de sangue e algumas poucas armas nas mãos dos personagens lá pelo arco do Zabuza foram sim culpa da Viz.

        • Rock Lee

          Nunca ouvi falar disso. De qualquer forma, edições pontuais não prejudicam a experiência. Já disse aqui que a violência exagerada e omnipresente em animes Shounen só atrapalha o sucesso da marca no ocidente. A violência deveria ser usada como artificio narrativo, para impactar o espectador de forma PONTUAL, e não gratuita.

  • Zen Ryo

    Se iniciativa puder de alguma forma tornar possível que animes como My hero academia,Asobi no iku oy,Berserk,Digimon Tri,Attack on titan e SAO possam ser dublados em algum momento no futuro,eu ja me dou por satisfeito,o problema infelizmente vai continuar sendo o Brasil,esse pais tem muita dificuldade em trazer mais animes,mesmo com a Netflix sem mencionar que tirando Rede Brasil,Play TV e talvez o Rede TV,nenhum canal aberto quer saber de mexer com dublagem de novos animes,assim fica muito complicado.

    • Gabriel Campos

      O problema na verdade é que todos os animes citados por você não são exibidos pela TV Tokyo, essa inciativa só valeria para suas produções.

  • Zen Ryo

    Entre 0 e 100%,quais são as probabilidades de essa iniciativa da TV Tokyo possa de fato trazer novos animes dublados para a tv aberta ou fechada?
    Sejam sinceros.

    • Matheus Sousa

      Pra mim 0 hehe =/

    • Marcos Hater

      Dublados acho que só Netflix, cr e Cartoon Network

      • Sayaka

        O cr só dublo 3 animes.
        Depois disso,nada.

        • SaintARMOR

          Provavelmente tem mais coisa vindo por aí. Black Clover mesmo está na lista de especulações e uma dubladora carioca já entregou que a série está mesmo sendo dublada. Quanto à outros títulos é que não se sabe, mas provavelmente virão mais coisas por aí de toda forma.

          • Sayaka

            Tomara que uma delas seja Sailor Moon Crystal dublado.

        • Marcos Hater

          Tá por fora ein tem coisa deles sendo dublada as escondidas você não fazem idéia kkkk já saiu algumas pistas por ae

    • SasukeUC

      Se vou focar no mercado brasileiro é quase 0% msm, aqui o foco do canais aberto e fechado é um só “crianças”, simplificando DB, Pokemon, Beyblade etc. Nós se quisermos ver animes um pouco maduro tem q ser streaming msm.

    • Joao Victor

      Dublados so se for o chunchy ou Netflix

    • Tadokato

      09%, acho bem difícil, CN BR tá mais focadas em originais, DB é exceção pra eles.

  • Camilo Lelis Ferreira da Silva

    Vamo Ver se a TV Tokyo licencia novas franquias no ocidente

    • Marcos Hater

      Boruto deve ser a primeira

      • Gabriel Campos

        Boruto, como as outras temporadas pertencem a Viz Media, logo se vir vai ser por meio dela!

      • Camilo Lelis Ferreira da Silva

        Boruto é da ViZ…
        Então, Sem Chance

  • Luan Kayro

    Espero que também olhem para o Brasil, somos um dos países que mais consome animes no mundo, eles já perderam muito dinheiro não ligando para o público brasileiro.

  • Marcos Hater

    Espero que com isso abra ainda mais portas para serviços de streaming como Netflix, cr Amazon e Hidive adquirir títulos inéditos e trazer oficialmente pra cá dublados e legendados

  • Mello Boladão

    que com isso venham muitos animes bem dublados para o brasil em streaming e tv a cabo

  • Luquinhas Cosra

    que bom que a tv tokyo vai criar uma divisao para trazer yo kai watch shadowside no brasil porque a tv tokyo e a emissora do yo kai watch

  • Eduardo De Castro

    TV TOKYO PARCEIRO DO SBT

    • Geo Hikari

      Quantos litros de vodka bebeu hoje?

  • Seto Kaiba

    A TV Tokyo ainda tem 20% dos ações da CR e disponibiliza a maioria dos animes de temporada lá.

    Acho que esse departamento é para animes infantis como PriPara, Aikatsu e CocoTama que mal são conhecidos no ocidente, por serem infantis para meninas, mas fazem bastante sucesso por lá. Por que não tentar vender um Aikatsu para, sei lá, um canal tipo o Gloob ou a ETC do Chile? Acho que os japas estão começando a pensar além-mar.

    • Geo Hikari

      Infantis são,mas suficiente para serem americanizados.

      A primeira serie de Ojamajo Doremi,assim como as demais,é puramente infantil e ainda foi retalhado pela 4Kids. Todas estas series foram mostradas pela TV Asahi e não sendo americanos,podia sim conseguir fãs na faixa de 5-7 anos como conseguiu no Japão,em paises ocidentais.

  • Jabbas Gonçalves

    Esperar mais novidades.

  • Eduardo Jose de Andrade

    Me cheira a mais aberturas de animes no mercado brasileiro :D.

  • Rafinha

    Que pena… Quando terminei de ler esperava que teria uma sede no Brasil rsrs. mas já que não ii isso é provável que o Brasil esteja fora da lista de meta deles.

  • Dercio Lucas

    TOMARA QUE DEEM CHANCES PARA ESCRITORES E DESENHISTAS PELO MUNDO

  • Lucas Santos

    Será que pra quem gosta de Yu-Gi-Oh, poderá ter esperança que isso possa fazer a franquia voltar a passar na televisão brasileira sendo ela aberta ou fechada e ainda ter um “respeito” da Netflix no Brasil?