Divulgação. © Kana Akatsuki / Akiko Takase / Kyoto Animation

A Kyoto Animation divulgou quatro novos vídeos de Violet Evergarden, adaptação para o anime da light novel de Kana Akatsuki e Akiko Takase, onde apresenta o tema musical da série, intitulado “Violet Snow” interpretado em quatro idiomas: inglês, francês, coreano e chinês. Confira o resultado na playlist abaixo:

Violet Evergarden estreia no Japão dia 10 de janeiro. O anime será um dos títulos exclusivos da Netflix para 2018 e sua chegada ao catálogo está programada para acontece durante a primavera.

  • Rodolfo

    A Netflix vai lançar ele inteiro de uma vez né?

    • Inteiro. Deve ter menos de 20 episódios.

      • Rodolfo

        Valeu!

      • Matheus Santos Xavier

        terá 12 até onde eu sei

      • Matheus Santos Xavier

        são so´2 volumes de novel pra adaptar

  • Aí meu <3
    Seria um sonho que viesse Dublado a tempo…

    • Matheus Santos Xavier

      dublado provavelmente virá, o que decepciona, é que sendo a netflix, será dublado em campinas…

      • Hayze

        Se confundiu ai, é a cr que manda seus animes para lá… é muito raro a Netflix mandar depende muito da importância do anime (como por exemplo kimi no na wa), como é Violet Evergarden então com certeza virá com qualidade…

        • SaintARMOR

          Errado. A Netflix já mandou para lá Fate/Apocrypha, ID-0, Castlevania, Blame!, Kuromukuro e também Devilman Crybaby, que será exibido futuramente. O Kimi no Na Wa que você cita justamente não é um original Netflix e a empresa já comprou o filme com dublagem pronta, sem influência alguma na produção dela.

          • Matheus Santos Xavier

            O jeito é aceitarmos mais uma dublagem porca de Campinas em um anime maravilhoso… Violet merece no minimo a Unidub…

            Se for pro Rio teremos as 100 personagens diferentes cariocas no mesmo anime.

          • SaintARMOR

            O único jeito de tentar evitar isso é reclamar de todas as formas possíveis com a Netflix. Criticar não somente a dublagem de Fate/Apocrypha nas avaliações de lá, mas também as de quaisquer outras dublagens campinenses. E tem ser algo incessante.
            Assinar aquele baixo-assinado feito há alguns dias poderia ser interessante também, mas como estagnou em torno de 890 assinaturas talvez não vá pra frente mesmo…

            O que importa é fazer o máximo para tirar a Netflix da própria zona de conforto.

          • Marcos Hater

            exatamente temos que reclamar muito mesmo se não nada irá mudar e a Netflix continuará achando legal dublar em polos baratos e sem qualidade como Campinas, Miami , Argentina ,Belo Horizonte , Minas Gerais e Portugal que foi o horrendo caso de Alias Grace.

        • Matheus Santos Xavier

          Kimi no na Wa foi dublado em um estúdio bom porque a distribuidora é a Diamond Filmes… Não a netflix propriamente dito. Ela apenas comprou

  • Léwow

    CHEGA LOOOOOGO

    • Anarcopunk Heroi.

      SADAHARU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! <3